BoJack Horseman: as reflexões de um cavalo animado sobre o mundo real

bojack
Na minha infância e pré-adolescência eu assistia vários desenhos e animações. Cresci e perdi o interesse, sem motivo aparente. Nunca parei para assistir Os Simpsons, Family Guy e derivados. Não queria dar o play em um episódio com personagens animados.

Até que a Netflix lançou BoJack Horseman, e eu decidi dar mais uma chance para esse mundo.

Para quem ainda não conhece, a série conta a história de BoJack Horseman, um ator que ficou famoso por sua participação no programa de televisão “Horsin’ Around”. BoJack enriqueceu, comprou uma mansão e sua vida estagnou por 18 anos. Após todo esse tempo bebendo, comendo e literalmente fazendo nada, o ator se cansa do ostracismo em que se encontra e decide tomar um novo rumo em sua vida.

Ah, um pequeno detalhe: BoJack Horseman é um cavalo!

Na série, os animais falam, andam e boa parte deles se comportam como humanos. No entanto, esses bichos não deixam sua natureza selvagem sumir e suas características sempre aparecem em algum momento.

Esses detalhes são inseridos em cenas inesperadas e essa é uma das razões que torna a série tão cativante e hilária.

Agora pouco eu estava assistindo um episódio da 3ª temporada e, em um bar, apareceram duas lesmas que estavam tendo um encontro. Resolveram brindar e após o brinde tomar um gole de uma Margarita (que por sinal tinha borda de sal). Encostaram as bocas nos copos e espumaram, claro! hahaha. Detalhes.

giphy1

(Homem) – Hey! Você não é aquele cavalo de “Horsin’ Around”? (BoJack) – Ugh, sabe? Esse é o por quê de eu não sair e me misturar com os não-famosos!

Você provavelmente deve estar pensando: “Pô, mas essa série parece ser tosca demais!”. E eu te digo que passei por essa fase e quase não comecei a assistir.

No entanto, a série é mais profunda do que você pode imaginar. Os episódios tratam, muitas vezes com uma sutileza impressionante, de assuntos sérios (muitos deles tratados como tabu no mundo em que vivemos, como o aborto por exemplo).

Além dos assuntos sérios, os episódios ainda trazem críticas severas a organizações (das mais “simples” como a Academia do Oscar às maiores, como o próprio governo), a celebridades e a coisas que acontecem no cotidiano de todo ser humano. É foda.

E se você for mais observador, vai reparar que no cenário das cenas existem inúmeras referências à cultura popular. Tudo é muito bem construído e pensado.

giphy

“A vida é uma série de portas fechadas, não é?”

 

BoJack, Princess Caroline, Mr. Peanutbutter e os outros personagens vão te fazer pensar (e muito!) sobre vários aspectos da sua vida e da sua personalidade.

Assuntos relacionados ao psicológico e ao comportamento humano (que as vezes é bem animal!) são tratados e criticados de uma forma genial também. O protagonista cavalo é um bicho-humano bem complexo, cheio de pequenos problemas que acabam interferindo em decisões da sua vida. Dá pra todo mundo se identificar em algum ponto e tirar alguma lição das situações retratadas na série.

“BoJack Horseman” é uma produção da Netflix, portanto a série pode ser encontrada facilmente no catálogo deles.


Algumas outras dicas de séries para assistir na Netflix:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s